quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Pensar Magro? Que piada é essa?

Bom dia, Lobinhas!

Como estão? Espero que bem.
Demorei para atualizar dessa vez, não foi? Sei lá, semana muito corrida. Parece que o ano definitivamente está começando agora. Tive diversas oportunidades para postar semana passada, mas não estava bem para escrever... Acho que vocês entendem isso, não? Entendem sim, aliás vocês são as poucas que realmente entendem, pois vivenciam o que estou passando.

É por isso que eu insisto sempre na mesma questão: desengordar.
Porque nunca seremos magros, e sim seremos ex-gordos.

Aliás, faz muito tempo que expliquei de onde tirei a expressão Desengordar, não faz? Vou resumir aqui e acrescentar algumas coisas, como uma crítica ao fenômeno "Pensar Magro".



O Dilema do "Pensar Magro".

Sinceramente? Eu acho ridícula essa expressão. "Para emagrecer você tem que pensar como um magro e não como um gordo!" Simples dizer, mais fácil ainda meter isso em livros com elementos de auto-ajuda e com referências a outros livros patéticos, dentre eles "O Segredo", que prega que para emagrecer você precisa mentalizar! Nem vou entrar nesse assunto, porque será realmente perda de tempo.

Mas virou febre, todo maldito canto que vou tem essa história de comparar o Pensamento do Gordo com o Pensamento do Magro. Ainda mais depois que saiu uma reportagem na Veja sobre isso (parece que eles não tinham mais asneira para falar do Lula e resolveram inovar na pauta). A distinção é feita com tanta frequência, que me senti um ser humano bem mais simples de se entender. Afinal, eu sou gordo! E gordos pensam de um jeito só e fim de papo! Ora, francamente... Pessoas são diferentes, cérebros são diferentes, igual aqui é só essa Miopia de pegar o comportamento de meia dúzia de gatos pingados e generalizar para toda a "raça" (ou sub-raça?) obesa. Sou pesquisador, estudo metodologia científica, e para publicar qualquer afirmação, por menor que seja, pesquisamos durante semanas ou meses. Aí vêm alguns oportunistas, sem nenhuma maldita noção de método e probatória, escrevem livros que misturam misticismo, religião, dieta, psicologia, transcendência, woodstock, pomba-gira e nutrição e soltam isso na mídia. E o que é pior? Vende. E o que é mais pior ainda? Milhares de pessoas são iludidas.

E o por que eu critico? Simples. A maioria dos magros não está nem aí para sua dieta! Salvas raras exceções, a maioria não come de maneira decente. Quem nunca sentiu inveja de alguém que é "Magro de ruim" pois "Come de tudo e repete"? A diferença de um Magro para um Gordo, é que o Gordo após emagrecer precisa se cuidar para não voltar a engordar, e ainda aumentar o peso original caso sofra o efeito sanfona. O magro não, se ele engordar 5kg ele ainda assim terá apenas 5kg para recuperar. Não adianta, é diferente.

"Mas Lobo, você tá criticando o livro Pense Magro, que originou-se de um TCC?"

Não. Aliás, o livro nem era para ter esse título. Outro mal de brasileiro é estragar nomes de obras. Até hoje não vou entender como "The Green Mile" foi traduzido para "A espera de um milagre", mas tudo bem. Até o nome do livro recebeu a influência dessa febre que está rolando por todos os cantos.

Encontrei um artigo na internet que me deixou enojado. Eu não vou colocar de onde tirei isso, pois não quero gerar conflito entre blogueiros. Mas deixei um aviso no blog da pessoa informando que contestei no meu blog. Portanto se a mesma quiser argumentar algo contra, que fique a vontade. Vou saborear um debate sobre o assunto, acredite.

Em resumo, o que aquela grande baboseira escrita queria dizer era:

"O Magro come até se sentir saciado, o Gordo come com os olhos!"

Mentira cabeluda e de black power!
Um exemplo? Minha namorada! Hoje ela chegou de um rodízio se sentindo mal e vomitou de tanto que comeu. E ela é magérrima, não tem problemas com o peso. Quem não conhece exemplos assim? Compulsão e gula não são exclusividade dos obesos.

"O Gordo ao ver a balança subir é tomado por um sentimento de desesperança “nunca vou conseguir emagrecer” que leva a novos ataques geladeira. Para o Magro ganhar peso não significa nenhuma catástrofe. Apenas passam a se concentrar mais em manter a dieta, reduzir a quantidade de calorias ingeridas e aumentar os exercícios."
Ah é? Então me diz o que é o fenômeno histérico de meninas anoréxicas que não aceitam pesar acima de 50? Então me explica por que tantas modelos lindas são tão neuróticas por peso que são capazes de fazer mais de 3 lipoaspirações por ano?

"O Gordo por estar gordo é depressivo, deixa de se relacionar, de procurar romance, sexo, atividades sociais. O Magro entende que se ficar acima do peso vai estar IMPOSSIBILITADO de fazer muitas dessa coisas..."

Impossibilitado?! Então gordo não namora, não faz sexo, não tem amigos, não faz porra nenhuma a não ser se lamentar por ser gordo e engordar cada vez mais? Meu, eu paro por aqui...

Deu pra sentir o naipe do que está se falando sobre dieta, não é mesmo? Eu odeio essa maldita generalização que fazem, e me revolta saber que isso influencia tantas pessoas de forma negativa. Meu, olha aquelas revistas com destaque para dietas como "Emagreça dormindo!", "Seque até 5Kg em duas semanas comendo doce todo dia!", "Faça dieta e coma brigadeiros!"... Aquilo vende, aquilo ilude, é nojento.

E por que eu estou tão nervoso com isso? Não é porque me atinge, mas é porque os danos são bem maiors do que uma mentirinha inocente, ou de algum dinheiro jogado fora...

Mentalize agora uma mulher com problemas de obesidade, algo que afeta o relacionamento com o marido, e que piorou depois de ter três filhos. Imagine essa mulher lendo alguma dessas dicas negligentes e sentindo-se esperançosa: "Ah, se a Juliana Paes emagreceu, eu também vou. Afinal, vou seguir a mesma dieta, e tenho fé em Deus!".

Agora imagina essa dieta não dando certo. Uma mulher dessas dificilmente vai refletir algo como: "O metabolismo da Juliana Paes é diferente do meu, talvez por isso não deu certo.". A grande tendência é ela se decepcionar, perder a fé, chorar...enfim, sofrer.

Agora imagine em cada bairro da sua cidade um obeso passando por isso, o que não é difícil. Agora jogue isso para seu estado e, por fim, para nível de país.

O que podemos enxergar?
Essas mentirinhas bobas são geradoras de desilusão em massa. E mês que vem está nas bancas mais uma edição, e nas livrarias em breve mais um livro de auto-ajuda para ser vendido. E vai vender, vai vender e muito...

A questão é: você conseguiria dormir sabendo que iludiu tantas pessoas? Você conseguiria saborear uma viagem com sua família sabendo que aquele dinheiro veio de falsas promessas "dentro da lei"?

Eu não seria capaz. E por isso vou além. Muita gente lê esse meu blog sem comentar, muita gente chega aqui através do Google. Se essa minha reflexão puder ajudar alguém a abrir os olhos, então terá valido a pena. E qualquer outra ilusão em massa do tipo irei criticar, sem dúvidas.

Prefiro estar incomodado nadando contra a maré do que estar tranquilo seguindo mais um onda que vai me arremessar contra as rochas.

Quanto a mim, eu continuo bem. Perdi mais 1,5Kg nessa semana, já são 39Kg perdidos contradizendo a todas essas lendas que se lê por ai.

Amanhã vou passar no Blog de vocês, queridas.

Um beijão do Lobo.

26 comentários:

Sandra disse...

Uhuuuuuuu, sensacional! adorei!!!! Eu até leio essas matérias, mas sinceramente nunca acreditei que uma delas pudesse servir pra mim, e tb nunca fiz nenhuma! acredito na individualidade de cada um...óbvio que ninguém é igual a ninguém!..não é porque você elimina 3 quilos por semana que eu também vou emagrecer no mesmo ritmo! aliás falando em eliminar! parabéns pelos 1,5...SENSACIONAL!

bjuuuuuuuuu

Bruna disse...

Em 1° lugar parabéns -1,5kg isso é ótimo, em 2° lugar concordo plenamente com suas criticas, quando vejo uma postagem que tem pensamento magro nem leio, se o magro que é magro por natureza sempre segue a dieta, pq eu engordei? ja fui magra de vestir 38, e se o gordo só sabe se lamentar e engordar ainda mais, como vc emagreceu 39kg, e eu 6kg em apenas um mês, a pessoa gorda fica deprimida depois que lê um troço desses. Bjs

querendoserex-gorda disse...

Oi Lobo, sabe eu realmente nunca pensei nisso, e olha que sou uma pessoa bem crítica. Mas existem diferenças no comportamento de gordos e magros, olha só: tenho uma amiga que é magra, e as vezes a gente bate um prato de igual pra igual, a diferença? Ela na próxima refeição come coisas leves, uma vez vi ela comendo ervilha e palmito. Quando eu imaginaria comer ervilha e palmito? Enquanto eu continuo na farra gastronômica. E ela não faz isso pensando, faz isso no automático, sabe?
Lobo, vc se importaria se eu colocasse um link do teu blog no meu? Quero arrumar o espaço dos blogs que leio.
Grande beijo.

Maya disse...

OI Lobo!

Concordo com vc em Genero nr. e grau... o que me irrita que as vezes eu estou num churrasco e ja atingi a minha cota... aí o povo vem "eu vi na revista a dieta do chá verde... porque vc não faz???" arre! Dá vontade de mandar a pessoa pros quintos dos infernos...

O engraçado que isso não ilude só o obeso... ilude as pessoas a sua volta achando que emagrecer é fácil - feche a boca, faça exercícios. - e que a pessoa só não emagrece porque não tem força de vontade! hunf...

Vou para por aqui...
Beijos, Lobo!

Andrea Aoki disse...

Ô vai arrumar seu quarto bicho folgado, deve estar cheio de pulgas, haha, imagina se fosse a casa toda, esses homens são folgados mesmo, ô raça, hahaha!!!
Bom, isso q vc escreveu é verdade mesmo, eu tenho uma prima q desde pequena foi magra, eu tb fui, nunca fui gorda enorme, os problemas começaram a acontecer na vida adulta mesmo juntamente com os problemas, o stress, a ansiedade... eu desconto na comida e ela não, nem sei aonde esla desconta pq não nos falamos mais, ela tem um gênio do cão ao quadrado... mas ela sempre comeu muito pouco, ao ponto de ter q apanhar qd pequena para comer... eu sei q engordo por causa do meu emocional e vejo q a maioria das pessoas q estãoa cima do peso tb tem esse problema, claro q outras são por outros problemas... mas ai vc fazer essa diferença de pense magro e pense gordo, kkkk é complicado... no meu caso eu tenho q aprender a separar sentimentos de comida e não pensar como uma pessoa magra, ai ai é soda!!!
Parabéns pelo peso eliminado =D
Bjussssssssss

Vanessa disse...

Oi Lobo!!! Ameeeeiii de paixão seu Blog... e dei também muitas risadas, pois acabo de perceber que eu não sou tão maluca assimmm!!! Tem muito gente que pensa como eu... rsrsrs...
Comecei a minha luta diária agora no começo de Janeiro... estou indo bem (acho, né?)... já cometi várias deslizes, mas sei que vou chegar lá!!!
Parabéns!!! Vou te visitar sempre!
BOLA PRA FRENTE!!!
Beijo grande!!!

Lídia Carla disse...

Nossa o que dizer diante desse artigo maravilhoso?!
Porque isso não é uma postagem nunca, meu querido lobo estudioso.
Vc expressou o que muitas pessoas como nós que tem problema com peso pensa.
Parabéns!
Beijão, fique firme na luta e parabéns pelo peso eliminado!

Quero Sair Perdendo disse...

Olá Amigo,
Fiquei feliz de conhecer seu blog.
Não conheço tantos homens postanto!
Agora posso acompanhar aqui também.
Parabéns por suas conquistar, você é um vencedor.
Seu exemplo é muito importante para quem está começando, vou ler seu blog desde o começo
Abraços
www.querosairperdendo.blogspot.com

Srtª Vihh disse...

Absurdo ou não, como vc disse querido amigo, virou PANDEMIA, esa foi boa!hsuahsuahsuahushaushaushuahsuahsuh
um monte de asneiras, viu? e só, concordo contigo. E auuuuuuuuu final. Bem era pra ser ponto final.
bjOus

MAGRINHA PARA SER MAMÃE disse...

Também acho super estranha essa frase amigo, afinal, conheço várias ex gordinhas que pensam exatamente o contrário, pensam gooordo...tipo...não vou comer para não engordar de novo, que delicia, mas não posso....sei lá, será que me fiz entender..rs...bom, o negócio é que concordo contigo....bom fim de semana...bjinho

Valérie Roberto disse...

Faz 4 dias que eu penso na sua postagem. Vou ali almoçar e depois te respondo rsrsr

Valérie Roberto disse...

(vai ser em duas partes tá?)
Voltei!

Agora de barriguinha cheia posso pensar melhor! rsrsrs

Primeiro: eu não me sinto e acho que nunca me sentirei uma exgorda. Se sentir assim
é como ser um gordo emagrecido e essa é a pior cilada de todas. Porque no seu interior
ainda vive aquele ser esférico.

Segundo: Eu acho que a expressão "Pensar Magro" está batida demais.Ainda a utilizo na falta de algo melhor.
Programação Neuro-linguistica é uma ciência comportamental com seus estudos e resultados, muito difamada
por conta de charlatões que existem em todas as áreas principalmente no emagrecimento. O Segredo foi uma
grande jogada de markenting da autora, por que ela conseguiu dar enfase e construir uma "novidade" de algo
já estudado, conhecido e falado: a capacidade de mudarmos nossas atitudes, nosso entorno através da mudança de
pensamento. Mesmo que vc não queira acreditar, mas a maneira como vc pensa determina a maneira como vc vive.
Por isso digo que sou magra, por me sentir magra e não uma ex-gorda.

Terceiro: sabe porque livros como O Segredo e Pense Magro vendem? Por causa exatamente de posturas parecidas
com a sua em relação a mudanças comportamentais. A grande maioria das pessoas que procuram livros de auto ajuda
estão procurando a solução mágica, mas no lugar errado: fora delas. A Tay Karioka escreveu uma frase ótima:
"Se livro de auto ajuda emagrecesse, só analfabeto era gordo!" Não é o livro de auto ajuda que te emagrece é a sua
capacidade em criar mudanças no seu interior e consequentemente no seu comportamento.

Quarto: neste um ano de mudanças comportamentais tenho observado e entrevistado vários magros. Este magro que vc
descreveu como o "magro de ruim" é uma espécie em extinção, justamente pela influência do mundo obeso e sedentário
ao seu redor. Cada vez mais a oferta de comida calórica aumenta e a atividade física diminui. Sobreviverão os "magros
de atitude", ou seja, aqueles que comem única e exclusivamente para alimentar seu organismo, sem é claro perder o
prazer da refeição. Outra coisa, o magro autêntico dificilmente engorda 5 quilos para emagrecer novamente. Muito antes
disso ele já está tomando uma atitude para voltar ao seu peso antigo, não que ele saiba qual era.

Valérie Roberto disse...

(PARTE DOIS)
Quinto: transtornos alimentares não tem peso certo para começarem. Se neste dia sua namorada comeu muito e vomitou (uma
defesa do organismo dela) não garante que da próxima vez que ela abusar isso vá acontecer. O corpo da gente é muito adaptável
ele dança conforme a música. Já fui magra na adolescência só que quando eu comecei a comer dois Xsaladas (de verdade,
não Mc Donalds) e diminui minha atividade física, engordei. Mantive um comportamento de descontar na comida e deu no que deu.

Sexto: concordo plenamente com vc quando fala sobre "nem todos serem iguais". Realmente o ser humano é de uma complexidade
infinita, mas vários fatores agrupados podem determinar um individuo a ser magro ou gordo. Então, quanto mais vc pender
para atividades "obesísiticas" (sedentarismo, consumo de gordura, comida industrializada etc...) mais obeso vc pode ficar.
Se tender para atividades emagrecedoras (atividade física, consumo de legumes, saladas, saciedade etc...) mais perto de
ser magro vc estará.

Sétimo: a histeria e a mania de perfeição que vc cita com relação a balança é um distúrbio de comportamento alimentar.
Algumas desenvolvem a compulsão alimentar, outras anorexia ou bulimia. Mas não deixam de terem um distúrbio e de não
poderem serem "categorizadas" (na falta de uma palavra melhor) como magras autênticas.

Oitavo: a questão sexual realmente concordo plenamente com vc! Ridicula a afirmação. Mas o fator depressivo e isolamento
acontecem em muitos casos, basta observar ao seu redor. Existem os bem resolvidos e os maus resolvidos, independente de
magros ou gordos.

Nono: tudo que vc cita sobre a mídia do emagrecimento mentirosa eu concordo com vc. Estamos onde estamos puramente por conta
de uma mídia que por uma lado quer que vc se afogue em um milk shake e do outro vende produtos para emagrecer. Ficamos entre a
cruz e o caldeirão, não nos aceitando gordos e comendo para nos aceitar. Saber se livrar das amarras da publicidade
é para lá de importante.


Décimo (YEAJ!!!): Parabpens pelo peso eliminado! Acho válida a sua reflexão sobre o assunto. O comportamento magro, o pensar
magro, o ser magro é muito mais complexo do que um infog´rafico da Veja. Esta é nossa função na blogosfera, abrir os olhos
uns dos outros.

Um beijão, desculpa o tamanhão do comentário tá??

coisinhas-da-lua disse...

Oi Lobo :) Seu post é bem interessante não sei se concordo com grande parte dele mas acho legal ver opiniões diferentes.
Eu acredito que você tem tudo para se tornar magro, não ser um "ex-gordo". Você pode até não perceber mas sua cabeça mudou sim e você está adquirindo pouco a pouco um comportamento magro.
Beijocas e boa semana para vocÊ
Carla

LUÁLIS ROSA disse...

Seu ponto de vista é bem interessante, até concordo em partes, e também achei o livro um pouco exagerado, mas não é de todo errado. E me identifiquei muito com muitas coisas principalmente com a parte "O Gordo ao ver a balança subir é tomado por um sentimento de desesperança “nunca vou conseguir emagrecer” que leva a novos ataques geladeira. Sabe, sempre fui gordinha e não sei se realmente os magros pensam de um modo diferente ou não... Mas sei que cansei de me pesar depois de uma semana de dieta, ver que não tinha emagrecido nada, me desesperar e atacar uma barra de chocolates ou pote de sorteve inteiro...
Se quiser conversar meu msn é lualisrosa@hotmail.com
Abraços e Boa semana!!!

jefhcardoso disse...

Olá. Desculpe vir assim... meio na correria; mas é que estou divulgando meu último trabalho e gostaria de saber sua opinião sobre este assunto atual e sempre instigante; falo do conto “O Diário de Bronson” que trata do tema vaidade e verdades.
Espero a sua visita e prometo retornar com melhores modos e mais tempo. (sorrio).
Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com. Parabéns por seu blog e bela postagem!

Amanda Pinheiro disse...

sou novata nesse "novo mundo", mas já adorei seu blog, adorei os textos e principalmente esta postagem, caramba... dá uma raiva das pessoas olharem para mim e achar que eu sou uma fracassada por estar acima do meu peso, não quero isso mais pra mim, vou lutar e como vc quero provar pra todos que posso! bjs

Valquiria disse...

Oi Lobo, parabéns pelo blog acabei de conhece-lo e concordo com tudo que escreveu!Abraços
val

Karla disse...

Finalmente alguém que pensa com a própria cabeça. Estou cansada de mundinho cor de rosa e de gente que acha que é fácil emagrecer e que a gente não consegue porque não tem "força de vontade". Eu sou bem parecida com você: vejo e leio tudo, mas tiro minhas próprias conclusões. E por conta disso acabo passando por "negativista" ou por "amiga da onça". Já me disseram até que eu arranjo desculpas para não emagrecer. Ah, tá! Fácil falar. Estou te seguindo!

Bjsss

MAGRINHA PARA SER MAMÃE disse...

Oi lobo...passei só para dar um oi, já que faz mais de 2 meses que não apareço por aqui...bj

s.o.s. diet disse...

Oi seu Lobo! Me identifiquei muito com sua postagem. Sabe aquela mulher com problemas no relacionamento e que após tres filhos piora?
Então aquela sou eu! Só que no meu caso são quatro filhos! Fico na maior deprê, e não consigo sair dela. Deixo de fazer muitas coisas, pois o mundo me engana dizendo que pra ser feliz tem que ser magra! Após ler esta postagem pude analisar melhor a situação e posso dizer que me ajudou muito!
Abraços, vou te seguir.

s.o.s. diet disse...

OI LObo! Dá uma passadinha lá no meu blog que indiquei um selinho pra vc!

Bjus!

b@by xik@ disse...

oi oi
adorei seu blog
vou te seguir
beijinhos lobinha ^^

Helozita disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Heloiza disse...

te achei no desafio da lu francesa e adorei o seu blog, inclusive o boa noite lobinhas *-*
Não podia deixar de expressar a minha opinião sobre: pensar magro. Infelizmente quando alguém não se encaixa no padrão ilusório de beleza, o individuo é generalizado.
Somos seres humanos e não devemos ser divididos entre categorias magro e obeso.
Já fui magra, e aí? Onde eu me encaixo? Dizem que o magro quando engorda não tem com o que se preocupar? Então expliquem o meu caso!!!
Eles esquecem que o organismo mudam conforme o tempo e que isso pode acarretar em mudanças no metabolismo e afins.


Enfim, vc sabe entende o q quero dizer rsrs

Sucesso pra vc lobinho rsrsrs

Diario de dieta da Mi disse...

Oi Querido tem selinho lá no blog pra vc?!?!?!
Bjs e to te seguindoo

Postar um comentário